ef2ae4953360914b5bf648207f5894e4-e1431611144437-2

Ser mulher na internet não é uma tarefa exatamente fácil. A rede é feita das mesmas pessoas que encontramos todos os dias pelas ruas – e se vivemos o machismo no mundo real, também podemos experimentá-lo em espaços virtuais. Por isso, a ONG Hollaback! se propôs a criar uma ferramenta de luta para proteger vítimas e mobilizar pessoas contra esse tipo de violência.

Compartilhar
mulheres-na-arte-1

Conheça o trabalho da artista, que se firmou no cenário artístico brasileiro juntamente com outros artistas jovens de sua geração — como Leda Catunda, Beatriz Milhares, Adriana Varejão — ao compor o grupo “Geração 80”, cuja proposta era uma nova arte em oposição à racionalidade conceitual das artes plásticas dos anos 1970 no país.

Compartilhar
olga

Quando você pensa em machismo, o que vem à sua cabeça? Estupro, violência doméstica, restrição econômica, submissão e subserviência. Porém, existem alguns comportamentos machistas que permeiam nosso cotidiano e sequer nos damos conta. Gestos que parecem inofensivos, mas na verdade roubam nossa força, nosso espaço e limitam as possibilidades das mulheres. Mas estamos de olho!Continuar a ler

Compartilhar
oie

É vital das mulheres conquistarem mais respeito também no mundo da música. Certas iniciativas têm se esforçado nesse sentido, como o Sofar Sounds, comunidade global que promove mini shows secretos ao redor do mundo em ambientes intimidas. Em comemoração ao Dia da Mulher, no último dia 8 de março, o festival realizou uma edição simultânea em 35 cidades ao redor do mundo para mostrar a força e o poder das mulheres na música, com atrações exclusivamente femininas.

Compartilhar